A visita do ministro das Cidades Bruno Araújo à Frutal ficou em segundo plano, pelo menos para a galera das redes sociais que não perdoaram um deslize extremante impensado por parte da assessoria de imprensa da Prefeitura de Frutal.

Após o evento no gabinete da Prefeitura, o ministro, junto com o deputado federal Caio Narcio, a prefeita Maria Cecília Borges, o presidente do PSB, advogado Caio Heitor, o ex-deputado Zé Maia e o vice-prefeito Toninho Heitor, se deslocaram para as obras de revitalização da Avenida Homero Alves.

Lá, eles posaram para uma fotografia. Até aí, tudo certo. A não ser por uma atitude nada republicana adotada pela equipe de “marketing” da prefeita da cidade que achou por bem simplesmente “apagar” da imagem, através de uma manipulação mal produzida, o advogado e presidente do PSB Caio Heitor da foto.

 

A atitude ganhou uma enorme amplitude nas redes sociais, e junto a ela, uma enxurrada de criticas contra a edição.

Se não bastasse tal situação, a Prefeitura de Frutal, em sua pagina oficial do Facebook, achou por bem responder as críticas que sofrera nas postagens da referida imagem editada. Ficou ainda pior!

Em um dos comentários, a Prefeitura de Frutal respondeu a uma crítica alegando que tal imagem era apenas para “quem tem mandato”. Se assim fosse, porque então não pagaram o ex-deputado Zé Maia da imagem?

Em outra tentativa frustrada de defesa, a Prefeitura alegou que o advogado Caio Heitor não havia sido convidado para tal evento. Ora, Caio chegou junto com o ministro no mesmo carro. Como assim não foi convidado e chegou junto com o ministro, e no mesmo carro ao evento?

Logo abaixo, o perfil OFICIAL da prefeitura ainda foi mais longe ao afirmar que tem “todo o direito (de apagar) pois a conduta após a eleição não nos permite juntos em uma fotografia”, disse, sem explicitar qual conduta o advogado teve após o pleito eleitoral.

O fato é que o despreparo político de integrantes da administração atual tem deixado a prefeita e seu vice em situação complicada. Uma situação considerada pequena, ficou enorme diante do despreparo para tratar o assunto. Para uma imagem já tão desgastada e arranhada como da atual administração, esse é somente mais um risco!

Atualização: após a negativa repercussão, a assessoria de imprensa apagou diversos comentários na imagem.

Artigo de opinião do jornalista Edilson Luiz

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here