O único espaço público em Aparecida de Minas para as atividades esportivas continua abandonado pela Prefeitura. Desde a gestão passada o vereador Bruno Augusto, que reside no Distrito, tem denunciando e cobrado providências, porém o estado do local é caótico. Não bastasse a estrutura danificada em razão do tempo e do vandalismo, sequer a limpeza é feita, impedido assim a comunidade de utilizar o poliesportivo.

Construído em 2004, o espaço nunca foi reformado e a cada dia a situação piora. Em 2016 o vereador Bruno viabilizou um pacote de recursos no valor de 900 mil reais para o Distrito, sendo 300 mil para revitalização da Praça Matriz, 100 para a reforma deste poliesportivo e 500 para a construção de uma quadra coberta na escola municipal Antônio Aparecido de Queiroz.

A primeira verba liberada foi para a reforma da Praça, verba essa retirada do Distrito pela administração atual e o que causou a invalidade dos outros recursos. “Se desviaram os 300 mil da Praça, não terão nenhum constrangimento em tirar os 100 do poliesportivo. Vamos trabalhar para reverter essa situação, mas infelizmente a atual gestão não tem credibilidade diante a muitos deputados, que de alguma maneira ficam com o pé atrás na hora de destinar recursos pra Frutal. Disse o vereador.

Ainda segundo ele o poliesportivo necessita de ações básicas, como reposição de algumas telhas, manutenção na rede hidráulica e elétrica, reparados nos portões, nas paredes e limpeza contínua. “São pequenas ações, de custo baixo, mas de grande significado e contribuição para nossa comunidade. É triste ver Aparecida de Minas sendo ignorada dessa forma, uma terra rica, que produz, que contribuí, mas recebe migalhas.” Finalizou Bruno

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here