Mulher dá queixa de ter caído no golpe do boleto

Após pagar um boleto falso, ela teve de pagar a empresa financiadora

Por João Cerino em 23/06/2021 às 09:30:00

No dia 21 de junho, por volta das 16h03, uma solicitante chamou a Polícia Militar e disse que possui um veículo motocicleta financiada no nome de seu esposo pelo Banco Votorantim e que, normalmente, mês a mês, recebe o boleto através de seu WhatsApp sendo o beneficiário o Banco Votorantim S.A., do CNPJ 59.588.111/0001-03. No dia 27 de maio, ela recebeu o boleto e fez o pagamento no valor de R$410,48 relativo ao referido mês, mas, posteriormente passou a receber cobrança da financiadora sobre tal boleto, alegando de que não haviam recebido a prestação.

A vítima disse que, então, percebeu que havia caído em um golpe, pois o boleto que havia recebido e quitado constava Banco Votorantim, porém com beneficiário BV Financeira S.A.-C.F.I., do CNPJ 01.149.953/0001-89. Para ficar em dia com seu financiamento, ela solicitou e pagou um novo boleto para a financiadora tendo como beneficiário o Banco Votorantim S.A., do CNPJ 59.588.111/0001-03, solicitando o registro do Reds para futuros fins.



Fonte: Assessoria de Comunicação Organizacional - 4ª Cia PM Ind.

Comunicar erro