Polícia Federal investiga contratado

O servidor, que deveria auxiliar no registro de armas, estaria atuando como despachante e corrompendo outros contratados

Por João Cerino em 29/10/2021 às 11:38:15

Belo Horizonte - A Pol√≠cia Federal cumpriu hoje, 29 de outubro, em conjunto com a Guarda Civil Municipal de Belo Horizonte, dois mandados de busca e apreens√£o que foram expedidos pelo Ju√≠zo da Nona Vara Federal. Um guarda civil, cedido à Pol√≠cia Federal para auxiliar no registro de armas, est√° sendo investigado por atuar como despachante e arregimentar contratados da PF para a pr√°tica criminosa.

Esta conduta pode caracterizar o crime de advocacia administrativa, corrup√ß√£o passiva e ativa. Com a an√°lise do material apreendido ser√° poss√≠vel apurar se outros funcion√°rios auxiliavam o investigado na pr√°tica criminosa, além de delimitar as responsabilidades individuais.



Fonte: Comunicação Social - PF/MG

Comunicar erro