Frutal instala o 69º Batalhão PM

Elevação da Quarta Companhia a Batalhão aconteceu depois de uma longa movimentação de autoridades e da Polícia Militar

Por João Cerino em 10/01/2022 às 14:06:16

Além da elevação da companhia PM, foi inaugurado o sistema de vídeo-monitoramento

A Quarta Companhia de Polícia Militar foi elevada oficialmente à categoria de Batalhão PM, passando a ser o 69º Batalhão de Polícia Militar nesta segunda-feira, 10 de janeiro, em solenidade que contou com a presença do comandante da Quinta Região de Polícia Militar, coronel Juliano Fábio Lemos Dias e autoridades de Frutal e da região vizinha. Além da solenidade de instalação do Batalhão PM, foi inaugurada uma moderna central de vídeo-monitoramento que vai aumentar o alcance da polícia a imagens de grande parte da cidade, contribuindo para mais agilidade dos policiais.

Entre os que usaram a palavra, o presidente da Câmara, Edivalder Fernandes da Silva, falando em nome dos vereadores, disse que a instituição sempre esteve presente a todas as reuniões e atos que se fizeram necessários para que houvesse a elevação da Quarta Companhia a Batalhão PM, com uma série de ações, visitas e reivindicações. "A segurança é um item que preocupa a sociedade e, por meio desta elevação, vislumbramos dias melhores para a nossa comunidade."

O prefeito Bruno Augusto destacou a disposição da administração em fazer parte do processo de elevação da companhia, atribuindo tudo à união. Ele comentou sobre a reivindicação da elevação da Companhia PM, a medida de instalação das câmeras de monitoramento e uma série de ações e investimentos que, somados às ações de outras pessoas ou entidades, viabilizaram a organização de audiências em Belo Horizonte e fizeram andar todo o processo que levou a essa conquista. "Todo mundo quer morar e viver em uma cidade segura e isso atrai investimentos e o progresso. Os policiais têm informações por meio desse sistema e agora vamos tentar fazer com que as viaturas tenham acesso às imagens em tempo real."

Em um depoimento emocionado, o comandante do 69º Batalhão, tenente-coronel Ivanildo Gomes dos Santos, falou dos mais de vinte anos que atuou em Frutal, a partir do posto de tenente até obter a patente de tenente-coronel. Ele comentou que o projeto de vídeo-monitoramento, empregando tecnologia de ponta, privilegia a cidade e deve inibir as ações da criminalidade. "Isso ajuda a prevenção de crimes e na segurança pública. Agradeço pelo tempo no qual estive presente em Frutal e do sonho antigo de transformar a companhia em batalhão."

Ivanildo conta que, em meados de 2014, houve uma audiência pública por conta dos homicídios e outros tipos de crime que estava em alta, levantando a necessidade de elevar a companhia de Frutal a batalhão. "É preciso agradecer a cada um, a todos os clubes de serviço, ex-vereadores e atuais que levaram a nossa voz aos governos, ex-prefeitos e prefeito atual por tudo o que fizeram, bem como o Ministério Público, Judiciário e imprensa, todos os que deram apoio e abriram as portas para que a nossa sociedade pudesse conversar com o governador."

O tenente-coronel Ivanildo também fez questão de mencionar a atuação do comandante da Quinta Região de Polícia Militar. "Devemos muito ao comandante regional, que ouviu essa necessidade assim que chegou à região, verificou os acontecimentos e percebeu que Frutal deveria ser batalhão a muito tempo. Sem o apoio do comandante regional, isso não seria possível. Agora que somos um batalhão PM, há muito a crescer, mas o olhar agora pelo comando da Quinta Região, pelo governo, será diferente. Teremos melhorias em logística, recursos humanos e sabemos que uma cidade bem vigiada vai atrair investimentos. Devemos isso a cada um da sociedade."

O comandante do 69º Batalhão evidenciou que, durante essa busca pela elevação, sempre pensou na sociedade, isso desde que chegou em 2000, quando Frutal tinha quarenta mil habitantes. "Hoje somos 63 mil e temos condição de dar segurança a toda a sociedade. Nunca foi uma questão pessoal, sempre foi pela sociedade e pelos frutos que isso pode trazer." Prestes a se aposentar, ele frisou novamente o agradecimento a cada um pelo empenho para essa conquista e concluiu elogiando a Polícia Militar local nestes 22 anos de presença e seis anos em comando. "Obrigado pelo compromisso, lealdade e por tudo o que fazem para a sociedade."

Ao concluir, Ivanildo comentou que completa trinta anos de efetivo serviço na PM e passará o comando a outro tenente-coronel que certamente fará um excelente trabalho por Frutal. "Deixo aqui muito carinho e gratidão, me sinto frutalense, sou frutalense, tenho títulos de Frutal e Comendador Gomes e só tenho a agradecer por tudo o que aconteceu comigo. Vir para Frutal foi a melhor coisa que aconteceu em minha vida e assim deixo a minha respeitosa continência. Mesmo na reserva, estarei à disposição de todos vocês."

O comandante da Quinta Região PM, coronel Juliano Fábio Lemos Dias, se congratulou com a sociedade de Frutal e mencionou que fazer parte de um batalhão traz o sentimento de orgulho por pertencer a uma unidade que é a maior na estrutura administrativa da PM. "Isso traz ganhos como aumento de efetivo, mais viaturas e outros investimentos do estado com a unidade. O ganho imediato será a melhora da coordenação e controle da atuação policial militar de acordo com a realidade desta região. O comando da PM visitou a região e conheceu toda a realidade. Toda vez que vinha a Frutal eu ouvia a reivindicação para a elevação a batalhão."

O coronel apontou a criação de novas companhias operacionais para melhorar a ação e a ampliação do raio de ação de seis para 9 municípios, incorporando Conceição das Alagoas, Pirajuba e Campo Florido. "Temos agora uma companhia em Frutal e outra em Conceição. Uma próxima, uma terceira companhia seria em Fronteira e já estamos trabalhando nisso, tudo contribuição para melhorar a atuação técnica da Polícia Militar. Agradeço ao governador e ao vice do estado, prefeitos e autoridades de Frutal e às autoridades de Polícia Militar no estado que nos permitiram essa conquista.


Fonte: Reportagem Alô Frutal

Comunicar erro