PM prendeu homem por ameaça

Ele foi preso após se desentender e exibir uma arma para duas pessoas

Por João Cerino em 24/05/2022 às 11:18:46

Espingarda apreendida na casa do suspeito

Um homem em Planura foi preso por posse e porte ilegal de arma de fogo e munição de uso restrito no último dia 21, por volta das 18h20, quando a Polícia Militar foi a um local na zona rural onde ocorria uma confraternização de um grupo de amigos. Uma das vítimas disse que bebia cervejas com o suspeito e, ao chama-lo para jogar truco, ele interpretou mal e começado a dizer palavras agressivas, afirmando que "era mais homem que ele" e começou a pôr a mão na cintura e ergueu a camisa mostrando um revólver, possivelmente de calibre 38.

A vítima disse que o homem olhava para ele e pedia para dizer novamente as palavras que havia dito, quando saiu para pedir socorro devido ao fato de o autor estar armado. A segunda vítima, que estava também bebendo e jogando baralho, apontou que o homem estava embriagado e agressivo, dizendo que não tinha medo das vítimas e veio tentando agredi-lo e colocando a mão na cintura e gesticulando como se fosse pegar a arma. Ele então arremessou uma mesa contra ele. Quando a PM chegou, o suspeito não estava no local e, após colher as informações, a polícia saiu em busca e o viu chegando em sua residência com uma VW Saveiro.

Os policiais notaram que ele saiu rapidamente do carro, deixando a porta do lado do motorista aberta e entrou em casa, sendo então seguido pela equipe policial. O homem foi abordado e não foi encontrada a arma em sua cintura, que ele deve ter dispensado no caminho da fazenda até sua residência. Buscas na casa localizaram uma espingarda CBC e munições intactas e deflagradas. O homem foi levado à Unidade Mista de Saúde, onde o médico constatou não haver lesões e estava com o hálito etílico, andar cambaleante, sendo observados também pela guarnição os olhos avermelhados.

Segundo a PM, ele se mostrava agressivo, negou estar com uma arma de fogo, mas confirmou que estava fazendo uso de bebidas alcoólicas. O veículo foi liberado para um condutor sob custódia e, após isso, foram feitos os autos de infração de trânsito. O homem teve a sua Carteira Nacional de Habilitação recolhida.

Fonte: Assessoria de Comunicação Organizacional - 69º BPM - Frutal-MG

Comunicar erro