HE confirma a morte de ciclista

O homem foi atropelado na manhã de sábado e faleceu na madrugada deste dia 14

Por João Cerino em 14/06/2022 às 10:50:24

Notícias desencontradas divulgadas na segunda-feira, 13, pela família de Lauzamar Fernandes, de 55 anos, apontavam para a sua morte, mas o Hospital Escola em Uberaba, para onde ele foi transferido após receber os primeiros socorros em Frutal, não confirmou o óbito. Segundo o hospital, por meio de sua assessoria de imprensa, ele havia passadio por cirurgia e até esta segunda estava em estado grave, mas ainda internado.

Porém, nesta terça-feira, 14, os familiares confirmaram a morte da vítima de atropelamento. De acordo com eles, o óbito aconteceu na madrugada de hoje, em Uberaba. O setor de Comunicação do Hospital Escola, por meio do jornalista João Pedro, informou que a morte aconteceu por volta das 3h15, após três dias de internação na unidade. O boletim médico informa que ele deu entrada com ferimentos graves na região da cabeça, com hemorragias, inconsciente e em estado de coma, permanecendo sem consciência durante todo o período no hospital. Ele passou por uma cirurgia para drenagem da hemorragia decorrente dos ferimentos graves que apresentava.

Com a morte, a Polícia Civil muda o foco da investigação, que já estava em andamento a partir da ocorrência elaborada pela Polícia Militar. O acidente aconteceu na manhã de sábado, 11, quando Lauzamar foi atingido por um carro ao sair da ciclovia por onde circulava, na Avenida Rio de Janeiro. O condutor do carro aguardou o socorro prestado pelo Corpo de Bombeiros, que encaminhou a vítima em estado grave para o Hospital Frei Gabriel, de onde foi transferido para Uberaba em virtude da gravidade dos ferimentos.

De acordo com a família, uma empresa funerária irá buscar o corpo em Uberaba e o velório e o sepultamento devem acontecer em Pirajuba, onde residem os parentes mais próximos.


Fonte: HC-UFTM - Hospital de Clínicas da UFTM

Comunicar erro