Homem morre com quatro tiros

No primeiro homicídio de 2022, a vítima foi atingida por tiros na testa, no peito e nas costas

Por João Cerino em 15/01/2022 às 17:13:00

O autor atirou e fugiu em direção ao Parque dos Lagos

A Polícia Militar atendeu, na tarde deste dia 15 de janeiro, ao primeiro homicídio do ano em Frutal, que teve como vítima Wilson Mesquita Ribeiro Magalhães, de 38 anos. Segundo as primeiras informações, ainda não confirmadas pelo IML, ele foi atingido por quatro tiros por volta das 15h00 e faleceu no local, na Rua Floripes Almeida Mendonça, próximo ao cruzamento com a Rua Senador Gomes. De acordo com um irmão da vítima, que não quis se identificar, a quem a reportagem entrevistou no local do crime, ele e Wilson estavam na casa de uma irmã e até saíram juntos para a mesma direção, mas ele precisou ir a um supermercado e, com isso, a vítima foi à sua frente com uma motocicleta que foi emprestada pela irmã.

De acordo com ele, ao voltar à rua onde tudo aconteceu, viu a motocicleta e a viatura da Polícia Militar e até pensou que ele havia batido o veículo. Segundo ele, o irmão morava sozinho e não sabe se teria algum inimigo que pudesse atentar contra a vida dele. "Essa moto nem dele é, ele foi lá pegar com a minha irmã. Ele tinha os problemas dele na rua, mas não falava nada para a gente."

O irmão disse que a vítima estava alcoolizada e que não tinha um relacionamento tranquilo com a irmã. "Sempre com minha irmã ele nunca está calmo, ele estressa ela para dar algum dinheiro pra ele, mas tudo nos conformes. Ele vai lá, enche o saco até ela dar algum dinheiro pra ele e vai embora." Na entrevista, ele não soube dizer se o irmão tinha alguma dependência, mas considera possível que o irmão tivesse envolvimento com drogas.

O agente funerário Wilson Gonçalves de Oliveira, que fez o encaminhamento do corpo ao IML, disse que, inicialmente, a vítima foi atingida no peito, na testa e por mais dois disparos nas costas. A Polícia Militar colheu imagens de câmeras de monitoramento e está em busca de informações sobre quem seria o autor dos disparos. Pelo que foi descrito por algumas pessoas no local, o crime tem semelhanças com uma execução, se considerados os pontos atingidos.


Fonte: Reportagem Alô Frutal - Blog do Portari

Comunicar erro