Ação da PM cumpre mandados

Policiais de várias guarnições desenvolveram ações que resultaram na prisão de foragidos

Por João Cerino em 13/08/2021 às 17:44:32

Diversas pris√Ķes por conta de ordens da Justi√ßa foram feitas em Frutal e Planura neste dia 12 de agosto, em que houve a a√ß√£o de policiais militares das viaturas de turno, do grupo de policiamento em motocicletas e também interven√ß√Ķes do Gepam-Grupo Especial de Policiamento Ambiental. Durante realiza√ß√£o de batida policial em Frutal por volta das 17h36, a equipe Gepmor viu um suspeito andando em via p√ļblica e fez a abordagem, com a busca pessoal conforme o manual técnico policial. N√£o foi encontrado nada de ilegal com o indiv√≠duo, mas consulta via sistema informatizado QAPP mostrou que havia mandado de pris√£o em aberto. O registro policial salienta também que o homem estava nas proximidades de uma resid√™ncia sobre a qual h√° DDU de tr√°fico de drogas.

Outro mandado de pris√£o foi cumprido em Frutal por volta das 12h18, durante patrulhamento, quando a equipe Gepam-Grupo Especial de Policiamento Ambiental fez uma abordagem e consultou o sistema CNJ, onde constava mandado de pris√£o n√ļmero 0060874-18.2016.8.13.0271.01.0001-26, expedido em 11/08/2021 pela Segunda Vara Criminal e da Inf√Ęncia e Juventude da Comarca de Frutal, com data de validade até 23/04/2033. Ele foi preso e, após consulta médica, conduzido até a delegacia de Pol√≠cia Civil de Frutal.

O Gepam também prendeu um homem que foi abordado na Avenida Jo√£o Tomain, no cruzamento com a Avenida Prata, na √°rea central de Planura, conduzindo um Fiat Uno Mille branco. Ao verificar a CNH e fazer consulta nos sistemas Isp e CNJ, um primeiro nome n√£o constou nenhuma restri√ß√£o, porém a consulta no mesmo sistema e usando o nome o autor, foi encontrado um mandado de pris√£o em aberto, 1137993-53.2007.8.13.0271.01.0001-06, v√°lido até 05/11/2028, expedido pela Vara Criminal e da Inf√Ęncia e Juventude da Comarca de Frutal.

Os policiais verificaram que a ordem de prisão tinha os mesmos dados de data de nascimento, naturalidade e nome dos pais. Perguntado a respeito dos fatos, ele disse desconhecer essa situação, dizendo que possui uma passagem policial pelo crime enquadrado na Lei Maria da Penha. O suspeito disse que mora em Planura há 19 anos, que nunca perdeu seus documentos pessoais e possui uma irmã que reside no estado da Bahia.

Segundo o Reds, o mandado de pris√£o em aberto consta o endere√ßo da Rua Zico Lopes, no bairro Jardim Esplanada-II, mas ele disse que nunca residiu nesse endere√ßo. No entanto, por haver v√°rios ind√≠cios de que seriam a mesma pessoa, a pol√≠cia fez a condu√ß√£o do suspeito e, após verifica√ß√£o médica, ele foi apresentado à autoridade policial do munic√≠pio de Frutal para as devidas dilig√™ncias.

Em Frutal, por volta das 20h07, informa√ß√Ķes do Servi√ßo de Intelig√™ncia da Quarta Companhia PM deu conta que, na Rua Jeronimo Mateus, no Bairro Novo Horizonte, havia um DDU, informando movimenta√ß√£o de pessoas em atitude suspeita. A PM abordou o autor e consultou seus dados no sistema Isp, onde havia mandado de pris√£o em seu desfavor. Sendo assim ele foi levado à delegacia.

Outro mandado da mesma natureza foi registrado na zona rural de Frutal, por volta das 22h50. A PM saiu com a miss√£o de dar cumprimento ao mandado registrado no CNJ sob o n 0001097-52.2018.8.17.4012.01.0006-23. Ao fazer contato no endere√ßo indicado, a PM encontrou o suspeito e informou sobre a pend√™ncia de do mandado de pris√£o e este se dispôs a acompanhar a guarni√ß√£o voluntariamente até o Hospital Frei Gabriel e depois à delegacia para as demais provid√™ncias.

Fonte: Assessoria de Comunicação Organizacional - 4ª Cia Ind.

Comunicar erro